Grupo RAC disponibiliza seus jornais em banca virtual.

  • Iba é a primeira banca virtual do Brasil a disponibilizar, em um só local, livros, jornais e revistas

    O Grupo RAC, maior conglomerado de mídia impressa do interior do País, proprietário dos jornais Correio Popular, Diário do Povo, Notícia Já, Gazeta de Piracicaba, Gazeta de Ribeirão, do portal RAC, da Agência Anhanguera de Notícias (AAN) e das revista Metrópole e Panorama, está alinhado com as mais novas tecnologias digitais presentes no mercado atual. Por isso, está disponibilizando todos os seus produtos jornalísticos no www.iba.com.br, a primeira banca on-line brasileira a vender, em um mesmo espaço, livros, jornais e revistas.

    O iba  é uma empresa da Abril Mídia, da qual faz parte a Editora Abril. ‘É uma banca digital completa, fácil de usar, com acesso a todas as plataformas’, diz Ricardo Garrido, diretor de operações. ‘Cumpre uma de nossas missões, a de oferecer variedade de conteúdo e a melhor experiência de leitura no meio digital.’

    O portal oferece seis mil livros eletrônicos de 170 editoras, 17 dos mais reputados jornais do país e 25 revistas digitais. Os conteúdos podem ser lidos em tablets — tanto no iPad como nos modelos alimentados pelo sistema operacional Android — e em PCs. Versões para Mac surgirão no segundo semestre.

    ‘A adoção da plataforma Iba  pelos jornais do Grupo RAC mostra o comprometimento da organização com a expansão das plataformas de acesso do conteúdo RAC para uma crescente gama de usuários. Acreditamos que, mais e mais, os produtos RAC devem estar disponíveis nas mais variadas formas e meios possíveis’, explica o diretor de tecnologia do Portal RAC, Luiz Dutra.

    Embora já haja outras bancas eletrônicas no Brasil, como a Gato Sabido e a Saraiva, elas são restritas a livros. Já o Iba oferece tudo em uma única página, além da possibilidade de se comprar a assinatura dos periódicos (inclusive os impressos).

    Ao contrário das amarras da Apple, que cobra uma comissão de 30% dos editores, o Iba também cobrará proporções diferentes para cada tipo de produto. Além disso, abrirá a carteira de informações dos assinantes de jornais e revistas aos editores, ao contrário de Steve Jobs, que exigiu com que as assinaturas ficassem com a empresa dele e não com quem as oferece.


    07/03/2012 – 16h02 . Atualizada em 07/03/2012 – 20h21
    Portal RAC


    08,mar,2012 | alex | Sem Comentário | Tags:

Sobre o Autor

Ricardo Alex

Deixe seu comentário

* Nome, Email e comentário são obrigatórios